Em Gaza e na Cisjordânia, as oportunidades de emprego são escassas. Os jovens cristãos sofrem especialmente com essa falta de perspectiva, o que muitas vezes os motiva a deixar o país. Isso tem um efeito imediato sobre a já pequena comunidade cristã. Clame por isso.